Veja a diferença de lutas e artes marciais e sua importância na atualidade

Antes de mais nada, devemos esclarecer alguns conceitos. Muitas vezes encontramos pessoas confundindo lutas com artes marciais, ou dizendo que são a mesma coisa.

A diferença de lutas e artes marciais existem, mas quais são?

Toda arte marcial é uma luta, mas nem toda luta é uma arte marcial.

A luta baseia-se no combate direto, onde o alvo é o próprio adversário. Já arte marcial possui um contexto mais amplo, a palavra “marcial” é originada do Deus da guerra, Marte, portanto, “arte marcial” significa “arte da guerra”, um conjunto de técnicas, filosofia e tradições de combate.

Várias modalidades de artes-marciais (Jiu Jitsu, Taekwondo, Muay Thai) são tão antigas (mais de 2.000 anos!) que em alguns casos possuem quase a mesma idade de países de onde surgiram, como China, Japão e Índia.

O combate era usado para defesa pessoal na proteção de determinado país/feudo e como arma de ataque na conquista de territórios. Com o avanço da sociedade e de material bélico, essa necessidade foi sendo deixada para trás.

Na modernidade, a luta possui um caráter pedagógico de ensino, e muitas artes marciais ganharam adaptações e têm suas vertentes como modalidade esportiva, onde o espetáculo competitivo tem se mostrado cada vez mais atrativo.

Exemplos claros são as modalidades de combate inseridas nos Jogos Olímpicos e o sucesso midiático do UFC.

Existe Diferença de Lutas e Artes Marciais? Veja como contribuem no Desenvolvimento Humano

Na nossa correria do homem moderno, cheia de trabalho, prazos, trânsito, preocupações, stress…precisamos de algo no dia-a-dia para canalizar e descarregar nossas energias, que nos motive, e provoque aquele sentimento de satisfação por completo.

Acho que já podem imaginar onde um bom treino de lutas se encaixa, não é verdade?

Além disso, por motivos como melhora das capacidades físicas, emagrecimento, lazer e participação de um grupo social muitas academias possuem treinos voltados para lutas entre os serviços oferecidos. O trabalho em grupo favorece as interações entre os praticantes e as aulas podem explorar além do combate, como treinamento funcional, em circuito, exercícios de agilidade e coordenação motora.

Para melhorar, além dos benefícios corporais, já está comprovado que os treinos de lutas trazem inúmeros benefícios mentais, como o controle emocional, a capacidade de foco e concentração, a resiliência e o autoconhecimento, além do desenvolvimento do espírito de competitividade sadio.

Esses aspectos: corporais e mentais, devem ser trabalhadas em conjunto nas lutas, até porque são inseparáveis, ou seja, é impossível trabalhar a mente, a emoção, a razão sem o uso do corpo, e vice-versa.

Essa visão contribui além do treino em si, é uma percepção em todos os campos da vida e deve ser levada como aprendizado para desenvolvimento pessoal. Como já dizia Freud: “O corpo é a fonte de toda a experiência mental”.

Conseguiu entender a diferença de lutas e artes marciais?

Ficou ansioso para descarregar toda essa energia em potencial guardada aí dentro de você?

A Dynamo possui o programa ideal que aborda tudo que falamos aí em cima: Dynamo Fight! Essa é uma aula única e exclusiva. Consiste em movimentos de lutas como Boxe e Muay Thai, combinados com exercícios de agilidade, deslocamentos, abdominal e treinamento funcional.

É uma combinação excelente para quem deseja queimar calorias, fortalecer e tonificar a musculatura de forma global, de maneira lúdica e em equipe. Agende sua aula experimental!