Por Claudia Assis CRN 6427

Será que o famoso “dia do lixo” tem muita influência no seu resultado? Confira a opinião da nossa nutricionista.

Quando pensamos em dieta, logo nos vem à cabeça sobre o “dia do lixo”. O que poderei comer?

Em minha opinião, usar o termo “dia do lixo” é uma forma equivocada de nos levar a pensar que estará tudo liberado e que poderemos sair totalmente da dieta. Na verdade, o que pode existir, é alguma possibilidade de refeição permissiva em algum dia da semana. Isso quando estamos em protocolo nutricional.

Quando pensamos em resultado de uma dieta, seja ela para qualquer objetivo, a eficácia na execução se torna imprescindível. E SIM, um único dia pode colocar todo o resultado conquistado na semana a se perder.

Quando o paciente me procura pela primeira vez, eu geralmente não libero nenhuma refeição fora do protocolo, pois nesse momento é quando teremos a oportunidade de um grande resultado (com a mudança dos hábitos), e assim ter mais motivação para continuar. No retorno, dependendo do resultado e necessidade demostrada pelo paciente, eu começo a liberar alguma refeição durante a semana a escolher por ele. Começo a ensinar a compensar a ingestão de alguns alimentos, sem que isso gere negatividade nos resultados esperados.

Mas vale lembrar sempre: quer resultado? É preciso fazer a dieta que seu nutricionista orientou, sem buscar outros alimentos que não os acordados e orientados para você!

Depois não adianta chegar na consulta querendo um resultado brilhante sendo que os “dias do lixo” tenham sido constantes !!

Procurar se exercitar com regularidade sempre é uma boa opção como estratégia para otimizar resultados de qualquer dieta. Bons profissionais sempre podem te orientar.

Lembre-se que além da mudança estética, a escolha por hábitos de vida saudáveis contribuirá para o bem-estar de seu corpo como um todo. Cuide-se!

Por Claudia Assis CRN 6427 – nutricionista Dynamo Fitness Center   @claudinhaassisnutri